O jogador de futebol profissional Ouaddou pede à FIFA que pare com a Copa do Mundo da escravidão.